Amã, 23 set (EFE).- O Iraque retomou a provisão de petróleo à Jordânia, que estava suspensa por razões de segurança desde março de 2003, informaram hoje fontes oficiais.

O ministro de Energia jordaniano, Khaldoun Qteishat, anunciou que uma primeira carga de 18.500 barris de petróleo já se encontra na fronteira entre Iraque e Jordânia e está previsto que seja entregue nas próximas horas a uma refinaria de petróleo jordaniana.

Qteishat admitiu que ainda existem dificuldades para a importação de petróleo do Iraque, mas expressou seu desejo de que sejam solucionadas com a cooperação entre os dois países.

"Esperamos chegar a um acordo com as autoridades iraquianas para que entreguem dez mil barris diários, em princípio", assegurou o ministro.

O Iraque foi o principal exportador de petróleo para Jordânia desde 1990 até a invasão do país em março de 2003 por parte de uma coalizão multinacional liderada pelos Estados Unidos.

A Jordânia, com um consumo médio diário de US$ 100 mil barris, procura retomar a importação do Iraque após Arábia Saudita, Kuwait e Emirados Árabes Unidos terem deixado de exportar petróleo com preços reduzidos em 2005. EFE ajm/rr

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.