Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Irã quer que Opep controle mais as cotas de produção

O Irã quer que a Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep) exerça um maior controle sobre a aplicação das cotas de produção de seus membros para sustentar os preços, informou a agência oficial Irna.

AFP |

"Se a tendência atual de redução dos preços perdurar, o tema das cotas será um dos principais assuntos de discussão na próxima reunião da Opep em setembro", declarou o ministro iraniano do Petróleo, Gholam Hossein Nozari, citado pela agência.

"A Opep deveria ser mais cuidadosa sobre o controle das cotas", prosseguiu o ministro, afirmando que "alguns países ultrapassaram suas cotas".

O barril de petróleo perdeu cerca de 20 dólares desde seu recorde de mais de 147 dólares, estabelecido em 11 de julho.

Os países da Opep devem se reunir no dia 9 de setembro em Viena.

O Irã, segundo maior produtor e exportador de petróleo da Opep, sustenta que os altos preços do ouro negro são a conseqüência da especulação nos mercados internacionais e da queda do dólar no mercado dos câmbios.

Ao contrário, os países consumidores consideram que este aumento se deve principalmente à insuficiência da oferta em relação à demanda.

aet/yw

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG