Teerã, 18 abr (EFE).- O Irã apresentará a necessidade de revisar alguns protocolos do Tratado de Não-Proliferação Nuclear (TNP) na reunião que será realizada em maio em Nova York, anunciou hoje o ministro de Assuntos Exteriores iraniano, Manouchehr Mottaki.

Teerã, 18 abr (EFE).- O Irã apresentará a necessidade de revisar alguns protocolos do Tratado de Não-Proliferação Nuclear (TNP) na reunião que será realizada em maio em Nova York, anunciou hoje o ministro de Assuntos Exteriores iraniano, Manouchehr Mottaki. O chefe da diplomacia iraniana afirmou que apresentará nos Estados Unidos as conclusões da conferência internacional sobre desarmamento nuclear realizada durante este fim de semana em Terrã. "Um dos pontos estipulados na conferência de Teerã coloca a necessidade de revisar o TNP na reunião que será realizada dentro de um mês nos EUA", afirmou, em entrevista coletiva. "Insistiremos no esquecido artigo seis do TNP sobre desarmamento nuclear", afirmou Mottaki. O chefe da diplomacia iraniana negou, além disso, que o fórum realizado no Irã no fim de semana seja na realidade uma resposta à conferência sobre o mesmo tema que aconteceu recentemente em Washington. "A conferência de Teerã não é um projeto contra outro, mas uma convocação geral para convidar as consciências do mundo a cumprir os compromissos", afirmou. Mottaki também falou sobre a reunião que o grupo formado por EUA, Rússia, China, Reino Unido, França e Alemanha realizará amanhã para discutir a possibilidade de impor novas sanções ao Irã pelas suspeitas sobre as intenções de seu programa nuclear. O ministro reiterou que seu país ainda acredita na troca de combustível nuclear com o Ocidente, caso sejam respeitados os direitos do Irã, e considerou viável "chegar a um acordo e colocá-lo em andamento em duas semanas". EFE msh/pd
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.