Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Irã aposta em austeridade e em menor dependência do petróleo em 2009

Teerã, 27 jan (EFE).- O presidente do Irã, Mahmoud Ahmadinejad, apresentou hoje ao Parlamento o Orçamento Geral para o novo ano persa - que começa no dia 21 de março - marcado pela austeridade e por uma menor dependência da receita procedente do petróleo.

EFE |

A previsão econômica do Governo iraniano, que segundo Ahmadinejad "se harmoniza com a atual conjuntura mundial", inclui uma redução dos subsídios para certos produtos e uma proposta polêmica para trocá-los por ajudas diretas à população que levou à críticas de especialistas.

Os economistas afirmaram que a medida contribuirá para ampliar ainda mais a inflação - que oficialmente ronda 26% -, mas o Governo afirma que servirá para controlar e reduzir o consumo.

"Os orçamentos estão sendo planejados considerando a redução dos preços do petróleo. Foram contidos os gastos estatais, embora se aposte no desenvolvimento de infraestruturas públicas", explicou o presidente iraniano.

O Irã, que tem sob sua superfície a segunda maior reserva provada de energia fóssil do mundo, destina os lucros provenientes da venda de petróleo e gás para cobrir 70% de seus gastos.

"O objetivo básico do Governo é reduzir a dependência do petróleo. Durante o próximo ano, as receitas procedentes de impostos e outras fontes vão ter um papel de destaque", declarou Ahmadinejad.

EFE msh/fal

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG