SÃO PAULO - O Índice de Preços ao Consumidor Semanal (IPC-S) ficou quase inalterado na terceira prévia de novembro em comparação com o estudo antecedente, indo de 0,56% para 0,57%. O grupo Alimentação avançou 1,14% neste levantamento, excedendo o 1,06% da segunda medição do mês, conforme divulgado pela Fundação Getulio Vargas (FGV).

Habitação também subiu mais, saindo de 0,41% para 0,46%.

Com taxa de expansão mais branda entre o estudo passado e o atual, apareceram Vestuário (0,95% para 0,53%), Saúde e cuidados pessoais (0,42% para 0,41%) e Educação, leitura e recreação (0,39% para 0,37%), além de Transportes (0,13% para 0,10%).

Permaneceram no território negativo Despesas Diversas, com decréscimo de 0,10%. Na segunda pesquisa de novembro, contudo, este ramo teve recuo de 0,17%. Teve impacto nesta classe de despesa o item Mensalidade para TV por Assinatura (-0,68% para 0,09%).

(Valor Online)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.