A inflação na cidade de São Paulo, medida pelo Índice de Preços ao Consumidor (IPC), recuou de 0,29% em novembro para 0,20% na primeira leitura de dezembro.

_CSEMBEDTYPE_=inclusion&_PAGENAME_=economia%2FMiGComponente_C%2FConteudoRelacionadoFoto&_cid_=1237575452094&_c_=MiGComponente_C

Divulgado pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe), o IPC ficou abaixo das projeções dos analistas ouvidos pela Agência Estado, que esperavam uma taxa de 0,26% a 0,32%, com mediana de 0,28%.

Dos sete grupos que compõem o IPC apresentaram alta Despesas Pessoais (de 0,44% a 0,47%) e Vestuário (de 0,35% para 0,66%). Desaceleraram os grupos Habitação (de 0,21% para 0,07%), Alimentação (de 0,30% para 0,17%), Transportes (de 0,35% para 0,17%) e Saúde (de 0,23% para 0,17%). O grupo Educação ficou estável em 0,09%. Veja como ficaram os grupos que compõem o IPC:

Habitação: 0,07%
Alimentação: 0,17%
Transportes: 0,17%
Despesas Pessoais: 0,47%
Saúde: 0,17%
Vestuário: 0,66%
Educação: 0,09%
Índice Geral: 0,20%

Leia mais sobre: inflação

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.