Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

IPCA deve avançar 6,45% em 2008, esperam analistas consultados pelo BC

SÃO PAULO - Os analistas consultados pelo Banco Central (BC) modificaram novamente para baixo a projeção para o índice oficial de inflação deste ano. Foi a segunda redução consecutiva na estimativa. Agora, espera-se que o IPCA tenha alta de 6,45% em 2008. No Boletim Focus anterior, o percentual contemplado era 6,54%.

Valor Online |

A previsão ficou pouco inferior ao teto da meta estimada pelo governo para este calendário (6,5%). O centro da meta é de 4,5%, com margem de tolerância de 2 pontos percentuais para cima ou para baixo. Para o IPCA em 2009, a expectativa é de alta de 5%, sem alteração há quatro semanas.

Também foram diminuídos pela segunda semana seguida os prognósticos para os demais indicadores inflacionários de 2008 - o IGP-DI deve aumentar 11,33% contra os 12,13% calculados antes. O IGP-M deve ter alta de 11,04% ante os 12% estimados anteriormente. O IPC da Fipe deve subir 6,48% em vez de 6,53%.

Para agosto, a estimativa para o IPC da Fipe ficou estacionada em 0,45%. O IPCA deve crescer 0,43%, pouco menos do que o 0,45% previsto no documento passado. O IGP-DI deve expandir 0,50% perante o 0,76% contido no relatório anterior. No caso do IGP-M, a projeção recuou de 0,80% para 0,20%.

Quanto a setembro, os analistas consultados pelo BC aguardam acréscimo de 0,39% para o IPCA, inalterado. O IGP-DI deve ter ampliação de 0,55% e o IGP-M, de 0,38%. No Boletim Focus antecedente, essas taxas eram 0,61% e 0,55%, na ordem. A perspectiva para o IPC da Fipe sofreu leve aumento, de 0,36% para 0,37%.

(Valor Online)

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG