Segundo Mantega, os investimentos já retornaram ao patamar de expansão de antes da crise

O ministro da Fazenda Guido Mantega disse nesta segunda-feira que os investimentos já retornaram ao patamar de expansão de antes da crise e deverão crescer de 18% a 20% este ano, sendo que a taxa de investimento (Formação Bruta de Capital/PIB) deve chegar a 18,5%, na comparação da taxa de 16,7% em 2009.

Mantega afirmou que não vê "nenhuma probabilidade de formação de bolha no Brasil", assim como disse discordar de que há problemas fiscais no País. Ele admitiu, entretanto, que o crescimento das exportações poderá ser mais lento do que o esperado este ano, por causa da crise que ocorre em alguns países da Europa e que, segundo ele, não trará maiores consequências para o Brasil.

O ministro participou hoje de manhã do seminário "Brazil Infrastructure Summit", no Rio.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.