Os investimentos das companhias de capital de risco nas empresas americanas não passaram dos 5,5 bilhões de dólares, no quarto trimestre de 2008, o que significou 30% a menos do que no mesmo período em 2007, de acordo com números divulgados neste sábado.

Nesses três meses, a empresa especializada VentureSource contabilizou 554 transações, contra 718 um ano antes, informou.

"Esses números confirmam que (...) várias empresas de capital de risco retrocederam, devido à crise, e se concentram na saúde e na vitalidade de empresas que já estão em seus portfólios, mais do que em novos investimentos", explicou a diretora da Dow Jones VentureSource, Jessica Canning.

Em todo o ano de 2008, a Dow Jones VentureSource registrou 2.550 investimentos, no valor de 28,8 bilhões de dólares. Em 2007, foram 2.823 operações, por 31,4 bilhões de dólares.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.