Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Investimento externo cresceu 23,5% em 2008 na China, com freio em dezembro

Pequim, 15 jan (EFE).- O investimento direto externo aumentou na China a uma taxa recorde de 23,58% em 2008, para US$ 92,395 bilhões, mas começou a refrear em dezembro, devido à crise global, segundo dados divulgados hoje pelo Ministério de Comércio chinês.

EFE |

Yao Jian, porta-voz da pasta, disse hoje que a média de crescimento do investimento externo em 2008, sem incluir o financeiro, foi inferior ao 26,3% registrado entre janeiro e novembro, segundo dados publicados pela agência de notícias "Xinhua".

Em dezembro, o crescimento do investimento estrangeiro caiu 5,7%, para US$ 5,98 bilhões, em comparação ao mesmo mês do ano anterior, mas o dado absoluto foi superior ao de novembro, quando chegou a US$ 5,3 bilhões.

Os dados mostram que este indicador começou a frear seu crescimento no final do ano passado, o que significa que a crise financeira está tendo impacto na China, terceira economia mundial no valor do Produto Interno Bruto (PIB).

O país asiático, que nas três últimas décadas baseou seu crescimento no investimento estrangeiro e em suas exportações, está sendo afetado devido a que os principais compradores de seus produtos - Estados Unidos, Europa e Japão - vivem pela primeira vez uma crise conjunta. EFE mz/an

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG