SÃO PAULO - O índice anual de preços ao consumidor no Reino Unido (IPC), medida usada para a meta de inflação oficial, subiu 3% em fevereiro, taxa essa menor do que a verificada um mês antes, de 3,5%. Ao mesmo tempo que o grupo recreação e cultura contribuiu para a desaceleração, o ramo vestuário e calçado pressionou o indicador.

O IPC é uma medida de inflação calculada conforme critério harmonizado que permite a comparação com os resultados dos demais países da União Europeia.

Já o índice de preços ao varejo (RPI, na sigla em inglês), medida mais antiga de inflação na Grã-Bretanha e que é usado para corrigir benefícios estatais, aumentou 3,7% nos 12 meses encerrados em fevereiro, inalterado perante o início deste ano.

As informações fazem parte de nota divulgada nesta terça-feira pelo departamento oficial de estatísticas ONS.

Na base mensal, o IPC avançou 0,4% em fevereiro. Sem alimentos e energia, o indicador também teve elevação de 0,4% entre janeiro e o mês seguinte.

(Juliana Cardoso | Valor)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.