Washington, 12 jul (EFE).- O IndyMac, um dos maiores bancos de empréstimos hipotecários dos Estados Unidos, reabrirá suas portas na segunda-feira sob controle do Estado, depois de sofrer intervenção na sexta-feira pelo Governo, informaram hoje fontes oficiais.

A Sociedade Federal de Seguro de Depósito (FIDC, na sigla em inglês manterá o controle da instituição até que se decida sobre o futuro do banco.

Segundo a FDIC o banco estará em pleno funcionamento e em mãos privadas dentro de alguns meses.

"Quando reabrirmos na segunda-feira iniciaremos o processo de comercialização do banco para tentar que ele volte ao setor privado.

Esperamos que isso dure uns 90 dias", disse hoje o porta-voz da FDIC, David Barr, em declarações à rede de televisão "CNN".

A queda do IndyMac representa a segundo maior falência de uma instituição financeira na história americana.

A firma reabrirá na segunda-feira sob controle federal com o nome de IndyMac Federal Bank FSB.

O IndyMac foi vítima dos problemas do setor hipotecário americano que provocaram uma crise creditícia global. EFE tb/rr

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.