Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Indústria na zona do euro tem maior baixa em 15 anos

A produção industrial dos 15 países europeus da zona do euro caiu 1,2% em outubro ante setembro e recuou 5,3% na comparação com outubro do ano passado, na maior queda em base anual desde julho de 1993, informou hoje a agência de estatísticas Eurostat. Em setembro, a produção havia declinado 1,8% no mês e 2,7% na comparação anual.

Agência Estado |

Economistas esperavam queda de 1% em outubro ante setembro e recuo de 3,6% ante outubro do ano passado.

Os declínios na produção industrial foram significativos em todas as economias líderes da zona do euro. Na França, houve queda de 2,7% ante setembro; na Alemanha, a produção caiu 2% e, na Espanha, o recuo foi de 1,9%. A produção na Itália declinou 1,2%.

Mão-de-obra

Os custos trabalhistas totais na zona do euro, que incluem gastos com salários e outros itens como tributos pagos pelos empregadores, subiram 4% no terceiro trimestre deste ano, em relação ao mesmo período do ano passado. Trata-se da maior taxa de crescimento desde que os registros da agência de estatísticas Eurostat começaram, em 1997. No segundo trimestre de 2008, os custos aumentaram 2,8%, em dados revisados.

No período entre julho e setembro deste ano, os salários saltaram 3,8% em base anual, após aumento revisado de 2,7% no trimestre anterior. É a maior alta desde o quarto trimestre de 2001. As informações são da Dow Jones.

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG