MUMBAI (Reuters) - O banco central da Índia elevou nesta terça-feira suas taxas de juro em 0,25 ponto percentual, como era esperado pelo mercado, para conter uma inflação que alcançou os dois dígitos.

O movimento desta terça-feira segue um aumento de também 0,25 ponto em março, quando a Índia tornou-se o segundo país do G20, atrás da Austrália, a apertar a política em um momento em que a economia se recuperava da pior recessão em gerações.

MUMBAI (Reuters) - O banco central da Índia elevou nesta terça-feira suas taxas de juro em 0,25 ponto percentual, como era esperado pelo mercado, para conter uma inflação que alcançou os dois dígitos.

O movimento desta terça-feira segue um aumento de também 0,25 ponto em março, quando a Índia tornou-se o segundo país do G20, atrás da Austrália, a apertar a política em um momento em que a economia se recuperava da pior recessão em gerações.

O BC indiano elevou a taxa de juro para 5,25 por cento. A autoridade também elevou a taxa reversa, com a qual absorve excesso de recursos do sistema, para 3,75 por cento.

O banco elevou ainda o depósito compulsório, para 6 por cento, o que tirará 125 bilhões de rúpias (2,8 bilhões de dólares) do sistema.

(Por Tony Munroe e Surojit Gupta)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.