Tamanho do texto

O setor de celulose denunciou fraude na importação de papel no Brasil e alertou que, por causa disso, não pode aceitar um corte de tarifas. A presidente da Associação Brasileira de Celulose e Papel, Elizabeth Carvalhaes, revelou que importadores estão conseguindo fazer papel entrar no País sem o pagamento de impostos.

O caso já foi informado à Receita Federal. Os importadores nacionais e exportadores estrangeiros se livram dos impostos ao declararem que o papel será para fabricação de livros escolares e para escolas públicas. Hoje, a tarifa do papelcomercial varia entre 12% e 16%.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.