Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Iminente ajuda a montadoras carrega alta em Wall Street

Nova York, 10 dez (EFE).- As bolsas de Nova York fecharam hoje em alta e seu principal índice, o Dow Jones Industrial, subiu 0,81%, impulsionado pelo princípio de acordo a favor das fabricantes de automóveis.

EFE |

O Dow Jones, que agrupa algumas das maiores empresas dos Estados Unidos, subiu 70,09 pontos, para 8.761,42.

O mercado Nasdaq subiu 18,14 pontos (1,17%), para 1.565,48, e o indicador seletivo S&P 500 ganhou 10,57 pontos (1,19%), aos 899,24.

As bolsas nova-iorquinas reverteram hoje a tendência negativa de terça-feira impulsionada pela perspectiva de que o Governo e os legisladores democratas finalmente acordariam um plano que permita ajudar às maiores fabricantes de automóveis americanas.

Os principais indicadores de Wall Street aceleraram seu avanço por volta da metade do pregão, logo após ser divulgado que se tinha fechado um princípio de acordo para pôr US$ 15 bilhões à disposição de General Motors, Ford e Chrysler, a fim de evitar que afundem e deixem sem emprego milhares de trabalhadores.

O acordo obriga General Motors, Ford e Chrysler a apresentar um plano de viabilidade a longo prazo e prevê que um supervisor, designado pelo presidente dos EUA, George W. Bush, vigie sua aplicação, entre outras medidas.

Com esse cenário de fundo, aumentou a volatilidade em Wall Street e os principais indicadores oscilaram entre o território negativo e o positivo com freqüência.

As ações da General Motors registraram hoje queda de 2,13%, para US$ 4,6, após se negociarem em alta no começo do dia, e as da Ford subiram 0,62%, a US$ 3,25.

Entre os destaques do pregão, os títulos das companhias petrolíferas, que se beneficiaram da forte escalada momentaneamente registrada hoje pelo preço do petróleo.

As ações da Exxon Mobil subiram 2,39%, para US$ 80,07, e as de Chevron, que como a anterior faz parte do índice Dow Jones Industrial, tiveram alta de 3,81%, a US$ 78,44.

No mercado secundário da dívida, o valor do bônus do Tesouro com resgate em dez anos caía hoje e sua rentabilidade, que se movimenta em sentido inverso, subia 2,70%, frente a 2,65% do dia anterior. EFE vm/rr

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG