Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

IEA: preços agrícolas caem 1,44% na 2ª prévia de novembro

São Paulo, 19 - Os preços recebidos pelos produtores rurais paulistas caíram 1,44% na segunda quadrissemana de novembro. Os dados foram divulgados hoje pelo Instituto de Economia Agrícola (IEA), da Secretaria de Agricultura e Abastecimento de São Paulo.

Agência Estado |

O Índice Quadrissemanal de Preços Recebidos pela Agropecuária Paulista (IqPR) foi pressionado pela queda de 3,41% no indicador de produtos de origem animal (IqPR-A). Os produtos de origem vegetal (IqPR-V) recuaram 0,64%.

Os técnicos do IEA comentam que os índices quadrissemanais oscilado entre 0 a -5,7% desde a terceira quadrissemana de agosto, o que reflete "o papel deflator dos preços agrícolas na redução do ritmo inflacionário no item alimentação".

O cálculo do indicador de preços agropecuários sem a inclusão da cana-de-açúcar apresenta queda maior, de 3,68%. A cana é o produto que tem maior peso no indicador do IEA, em função da expressiva participação no valor da produção da agropecuária paulista. O índice de produtos vegetais sem a cana cai para 3,94%.

Os produtos que registraram altas na segunda quadrissemana de novembro foram banana nanica (9,59%), laranja para mesa (7,22%), arroz (2,53%), cana-de-açúcar (1,77%), laranja para indústria (0,56%) e leite tipo B (0,23%). Os produtos que apresentaram maiores quedas foram: feijão (39,38%), batata (23,91%), tomate para mesa (17,09%), carne suína (16,67%), amendoim (14,66%), ovos (9,23%) e milho (8,69%).

Segundo os técnicos do IEA, a queda dos preços do feijão se deve à entrada no mercado do produto da safra nova paulista. "A queda dos preços do tomate aparenta estar dentro do típico padrão sazonal. Já a redução de preços do amendoim não condiz com as variações observadas em anos anteriores, que foram de pequena alta nessa época do ano, possivelmente por conta dos estoques de passagem do amendoim mais elevados em comparação aos níveis existentes no início do plantio da safra 2007/08."

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG