Após uma abertura em alta, a Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) virou após o anúncio dos dados sobre o mercado de trabalho nos Estados Unidos e passou a operar no terreno negativo. Ao meio dia, o índice Bovespa (Ibovespa) cedia 1,42% a 63.

896 pontos. No exterior, as bolsas europeias caiam mais de 0,60%, enquanto em Nova York os índices futuros também estavam em baixa.

No mercado interbancário de câmbio, o dólar comercial que era negociado em baixa ante o real desde o início do pregão, passou a oscilar entre alta e baixa. Ao meio dia a moeda norte-americana caía 0,12%, cotada a R$ 1,72. Na Bolsa de Mercadorias e Futuros (BM&F) o dólar à vista também estava cotado a R$ 1,72, em baixa de 0,19%.

A economia norte-americana eliminou 190 mil postos de trabalho em outubro, acima da expectativa de economistas de perda de 175 mil empregos, segundo dados do Departamento de Trabalho. A taxa de desemprego nos Estados Unidos subiu de 9,8% em setembro para 10,2% em outubro, o maior nível desde abril de 1983.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.