Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Ibovespa segue piora em Wall Street e cai mais de 5%

O índice Bovespa aprofundou a queda nesta tarde, alinhado à piora dos índices acionários em Nova York. A ausência de novidades relevantes nas declarações do presidente do Federal Reserve (Fed, banco central americano), Ben Bernanke, hoje, serviram como argumento para novas vendas em Wall Street, o que afetou também as operações na Bolsa brasileira.

Agência Estado |

Às 15h14, o Ibovespa cedia 5,40%, aos 39.829 pontos, após ter atingido a mínima de -5,98% a 39.583 pontos.

Em Nova York, o Dow Jones perdia 3,12%, o S&P-500 caía 3,49% e o Nasdaq recuava 3,81%.

Bernanke sinalizou que o Fed poderá reduzir as taxas de juro de curto prazo, num cenário de reduções de pressões sobre os preços, de crise financeira e de perspectiva de debilidade econômica. "A combinação dos indicadores que têm saído com os acontecimentos financeiros recentes sugere que a perspectiva para o crescimento econômico piorou e que o risco de baixa no crescimento cresceram", enquanto a perspectiva da inflação "melhorou um tanto", disse o presidente do Fed.

"Isso já está no preço. É preciso algo realmente novo e de impacto para os mercados reagirem", disse um operador. Os players analisam agora o conteúdo da ata da reunião do Comitê de Mercado Aberto (Fomc) do Fed, realizada em 16 de setembro.

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG