Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Ibovespa fecha em queda de 3,05% diante de pessimismo nos EUA

São Paulo, 23 dez (EFE).- Os novos indicadores negativos nos Estados Unidos, que causaram nervosismo em Wall Street, contagiaram o Índice da Bolsa de Valores de São Paulo (Ibovespa), que hoje fechou em queda de 3,05%, para 36.

EFE |

470 pontos.

A Bovespa teve um dos pregões de menor movimento de capitais de todo o ano, diante do recesso de Natal, o que fechará o mercado amanhã e quinta-feira.

Foram realizadas 141.894 operações, com volume financeiro de R$ 1.921.766.379,46, um número considerado muito baixo, que deixou o mercado paulista à mercê dos movimentos das bolsas de valores nos Estados Unidos.

Em Nova York, voltou a acontecer um novo dia de publicação de indicadores negativos, que serviram para prolongar as perdas nas bolsas e contagiar a Bovespa.

O Governo americano confirmou hoje a contração de 0,5% do PIB no terceiro trimestre, como esperava o mercado.

O setor imobiliário dos EUA constatou a aguda queda da venda de imóveis, enquanto o setor automobilístico continua em meio a dúvidas, apesar do plano de resgate anunciado na semana passada.

Com isso, o Ibovespa perdeu 1.147 pontos, com 58 títulos em queda e oito em alta entre os 66 que formam o índice.

Entre os papéis mais negociados, caíram os preferenciais da Petrobras (-0,63%) e da Vale (-3,65%).

As maiores perdas foram das ações ordinárias do Banco do Brasil, que caíram 5,97%.

O real fechou em alta de 0,29% frente ao dólar, que foi negociado a R$ 2,388 para venda e R$ 2,386 para compra no câmbio comercial.

EFE mp/an

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG