Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Ibovespa fecha em baixa pelo terceiro pregão seguido

Rio de Janeiro, 2 set (EFE).- A queda do preço do petróleo e dos metais foi o principal responsável para que a Bolsa de Valores de São Paulo fechasse hoje novamente em baixa, com uma queda de 1,37% no índice Ibovespa, para 54.

EFE |

404 pontos.

O mercado, que depende bastante dos negócios da Petrobras e das empresas mineiras e siderúrgicas exportadoras de metais, sucumbiu pelo terceiro pregão consecutivo à volatilidade das matérias-primas.

O Ibovespa não sofreu grande influência da melhora do índice de produção industrial, que mostrou um crescimento de 8,5% em julho, em termos anualizados.

O dia negativo em Wall Street também colaborou para a queda do Ibovespa, que teve baixa de 758 pontos, com 41 dos 66 títulos que o compõe fechando no vermelho.

No pregão de hoje, foram feitos 222.429 negócios em um volume financeiro de R$ 4.223.046.148,00.

A Petrobras não resistiu à acentuada queda do preço do petróleo nos mercados internacionais e suas ações preferenciais caíram 3,12%.

Os similares da mineira Vale, segundos mais vendidos no pregão, caíram 1,62%.

As altas no pregão de hoje foram lideradas pelos papéis preferenciais de Vivo (5,96%), Tam (4,63%) e Sadia (10,95%).

As maiores baixas foram dos preferenciais da Usiminas (6,16%) e dos ordinários da Usiminas (5,83%) e da SID Nacional (5,66%).

O dólar comercial fechou hoje com uma alta de 1,27% no mercado brasileiro cotado, a R$ 1,665 para venda. EFE mp/rr

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG