A queda do Ibovespa, principal índice da Bolsa de Valores de São Paulo, atingiu 10% nesta tarde, levando à interrupção dos negócios, com o acionamento do circuit breaker. Às 14h25, o Ibovespa cedia 10,00%, aos 37.

412,54 pontos.

O circuit breaker é o mecanismo utilizado pela Bovespa que permite, na ocorrência de movimentos bruscos de mercado, o amortecimento e o rebalanceamento das ordens de compra e de venda. Esse instrumento constitui-se em uma "proteção" à volatilidade excessiva em momentos atípicos de mercado.

Segundo as regras do circuit breaker, quando o Ibovespa atinge limite de baixa de 10% em relação ao índice de fechamento do dia anterior, os negócios na Bovespa, em todos os mercados, são interrompidos por trinta minutos.

Reabertos os negócios, caso a variação do Ibovespa atinja uma oscilação negativa de 15% em relação ao índice de fechamento do dia anterior, os negócios são interrompidos por uma hora.

Desde o início da crise financeira internacional, o circuit breaker foi acionado na Bolsa paulista em três dias, além de hoje. Uma vez em 29 de setembro, duas vezes em 6 de outubro (quando, na mínima do pregão, o índice recuou 15,50%) e uma vez na sexta-feira passada.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.