Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

IBGE: safra de laranja cresceu, mas valor recuou em 2007

Rio, 17 - A laranja foi um dos produtos da safra agrícola que mereceu destaque em 2007, quando a produção nacional dessa cultura atingiu 18.684.

Agência Estado |

985 toneladas, segundo mostra a Pesquisa Agrícola Municipal (PAM) divulgada hoje pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). O aumento na quantidade de laranja produzida no País não foi acompanhado, entretanto, pelo valor da produção, que teve redução de 3,6%, em relação ao ano de 2006.

São Paulo, maior Estado produtor (79,7% da safra), é onde praticamente toda a matéria-prima é processada e de onde o suco é exportado, como explicam os técnicos no documento de divulgação da pesquisa. A produção paulista de laranja foi, em 2007, de 14.904.621 toneladas, um acréscimo de 3,7% em relação a 2006.

A pesquisa mostra que a grande concentração dos pomares se localiza ao norte de São Paulo, mas se expande pelo Triângulo Mineiro. Em Minas Gerais, a produção obtida no ano passado foi de 583.509 toneladas, ou 1,9% maior que a de 2006. Outros Estados que têm "grande relevância" na citricultura brasileira são Bahia, Sergipe, Rio Grande do Sul e Paraná. A citricultura paranaense, implantada com alta tecnologia, está em plena expansão e, em 2007, sua produção atingiu 502.979 toneladas, 23,2% superior a 2006.

Aguaí (SP) passou, em 2007, a ocupar a primeira posição dentre os dez principais municípios produtores de laranja, superando Itápolis (SP), que caiu para a terceira posição. O único município não paulista do ranking é Rio Real (BA), que caiu da terceira posição em 2006 para a quarta em 2007.

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG