Rio, 26 - A pesquisa trimestral de abate do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), divulgada hoje, revelou que, no acumulado do ano passado, a aquisição de leite cresceu 7,5% ante o ano anterior, somando 19,238 bilhões de litros. Já no quarto trimestre de 2008, foram adquiridos cerca de 4,9 bilhões de litros de leite, com queda de 1% em relação ao mesmo período de 2007 e aumento de 5,2% na comparação com o 3º trimestre de 2008.

Ainda segundo a pesquisa do IBGE, no que diz respeito ao leite industrializado pelos estabelecimentos registrou-se estabilidade (-0,1%) no quarto trimestre em comparação ao volume industrializado no quarto trimestre de 2007 e aumento de 4,9% com relação ao 3º trimestre de 2008.

A pesquisa de leite contou com 2.057 informantes, distribuídos por todas os Estados à exceção do Amapá que, segundo o IBGE, não apresenta produção feita segundo aos critérios da pesquisa. Segundo o instituto, "ao se observar o comportamento da aquisição de leite nos últimos cinco anos verifica-se crescimento ao longo do tempo em torno de uma média de 7,2% ao ano".

Ainda de acordo com o IBGE, o Sudeste é a principal região em aquisição de leite, com 42,4% da captação feita pelas indústrias de laticínios. Em seguida aparece o Sul, com 30,3%. Minas Gerais é o Estado que lidera a aquisição de leite no País, com 27,5% do total.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.