O primeiro-ministro da Hungria, Viktor Orban, afirmou que seu país vai preparar o orçamento para 2011 em consulta com a União Europeia e não com o FMI, pois seu contrato com o órgão termina em outubro

selo

O primeiro-ministro da Hungria, Viktor Orban, afirmou que seu país vai preparar o orçamento para 2011 em consulta com a União Europeia e não com o FMI, pois seu contrato com o órgão termina em outubro. "Não faz sentido discutir questões de longo prazo com o FMI", declarou Orban.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.