Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

HSBC demitirá 500 funcionários no Reino Unido

Londres, 1 dez (EFE).- O banco HSBC, maior entidade financeira da Europa, anunciou hoje que demitirá 500 trabalhadores no Reino Unido, anunciou hoje seu diretor-gerente, Paul Thurston.

EFE |

Segundo o executivo, a medida se justifica "pela necessidade de reavaliar o negócio e assegurar eficiência operacional".

"Nos últimos dois meses avaliamos com reservas nossa situação, concentrando-nos em evitar a duplicação de tarefas, conduzir os custos e dedicar recursos às áreas que oferecem potencial de crescimento".

"O entorno em que operamos muda constantemente e o HSBC tem uma responsabilidade em relação aos seus clientes, seus acionistas e seu corpo de funcionários, para garantir que nossa organização reflete e reage a estas mudanças", completou.

Thurston lamentou o corte no pessoal, mas o considerou essencial para fazer com que o HSBC "esteja melhor posicionado e possa fazer frente à crise financeira, mantendo nosso nível de serviço".

O diretor-gerente disse que a medida não afetará funcionários que trabalham nas filiais do banco ou nos centros de atendimento por telefone.

Segundo Derek Simpson, dirigente do sindicato Unite - o maior da Inglaterra -, o procedimento é "uma vergonha", especialmente às vésperas do Natal.

"Não vemos um raciocínio empresarial para esta redução de postos de trabalho. Simplesmente o HSBC está aproveitando a desculpa da crise financeira para eliminar empregos", comentou Simpson, lembrando que o banco recentemente anunciou aumento nos lucros no Reino Unido durante o primeiro semestre do ano.

Ao contrário de outras instituições, o banco não precisou solicitar ajuda ao Governo britânico. EFE fpb/dp

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG