São Paulo, 12 dez (EFE).- O Grupo Santander aprovou hoje uma linha de créditos no valor de US$ 2 bilhões para o financiamento de operações de comércio exterior no Brasil, como resposta à solidez do país em meio à crise financeira, anunciou hoje a entidade bancária.

Em comunicado, o Grupo Santander Brasil indicou nesta sexta-feira que a quantia é "adicional" ao orçamento destinado pela instituição para esse tipo de créditos.

Os prazos outorgados serão de 360 dias e a decisão é "uma prova de confiança na solidez dos fundamentos da economia brasileira e do apoio ao fluxo comercial do Brasil com outros países", apontou o texto.

O presidente do Grupo Santander Brasil, Fabio Colletti Barbosa, comentou que "essa oferta de linhas de financiamento ao comércio exterior tem como objetivo apoiar as exportações e importações das empresas que fazem parte da base de clientes do grupo no Brasil, que compreende os bancos Real e Santander".

"Somos uma instituição com presença em mais de 40 países, com tradição em comércio exterior e fortes relações com os clientes. O Brasil deu sinais de força em meio à crise do sistema financeiro internacional, e essa decisão reafirma nosso compromisso com nossos clientes e com o país", acrescentou.

No Brasil, o Grupo Santander tem ativos de R$ 133,4 bilhões e 8,5 milhões de clientes. EFE wgm/mh

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.