A Capmark Financial, um dos maiores grupos americanos de crédito hipotecário comercial, anunciou na noite de domingo que decidiu recorrer à proteção da lei falências.

"A concordata não deve afetar a forma como a Capmark trabalha com seus clientes e associados", afirma um comunicado da empresa.

"Em 23 de outubro, a Capmark e suas filiais em concordata tinham 500 milhões de dólares de liquidez, suficientes para cumprir com suas obrigações, como o pagamento dos funcionários e o financiamento de empréstimos", completa.

Antiga filial de crédito comercial da GMAC, o falido grupo de serviços financeiros da montadora General Motors (GM), a Capmark registrou prejuízo de 1,6 bilhão de dólares no segundo trimestre.

O grupo declara um valor contábil líquido de 18,6 bilhões de dólares e, segundo a agência de classificação Moody's, é responsável por mais de US$ 10 bilhões em empréstimos hipotecários comerciais.

ved/fp

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.