País recebeu 14,5 bilhões de euros do bloco europeu; Fundo Monetário Internacional (FMI) já havia liberado 5,5 bilhões de euros

A Grécia recebeu hoje 14,5 bilhões de euros (cerca de US$ 18 bilhões) da União Europeia (UE), correspondente à primeira parcela da ajuda financeira acertada para o país, disse o Ministério das Finanças da Grécia. Na semana passada, o Fundo Monetário Internacional (FMI), que participou do pacote de resgate da Grécia, liberou 5,5 bilhões de euros ao país.

Com os recursos, a Grécia deve honrar amanhã vencimentos 8,5 bilhões de euros em bônus de 10 anos."Os recursos cobrem as necessidades de empréstimo e as obrigações imediatas e de curto prazo da Grécia", informou o Ministério por meio de nota.

O montante "foi transferido por meio do Banco Central Europeu (BCE) para uma conta do Estado grego no Banco da Grécia", acrescentou a nota.

Por um acordo assinado por União Europeia e FMI, a Grécia deverá receber 110 bilhões de euros em recursos durante três anos, se cumprir medidas de austeridade para ajustar o déficit orçamentário do país aos níveis exigidos pelo pacto da zona do euro (grupo dos 16 países que adotam e moeda única).

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.