O primeiro-ministro grego Georges Papandreou pediu nesta quinta-feira que a União Europeia chegue a um acordo na próxima semana sobre um mecanismo de ajuda financeira a seu país, durante um encontro dos líderes do bloco.

_CSEMBEDTYPE_=inclusion&_PAGENAME_=economia%2FMiGComponente_C%2FConteudoRelacionadoFoto&_cid_=1237561817786&_c_=MiGComponente_C

Um projeto de mecanismo de ajuda à Grécia já está sobre a mesa "e acho que há uma oportunidade de tomar uma decisão na próxima semana durante a cúpula" dos chefes de Estado e de governo, nos dias 25 e 26 de março, declarou em Bruxelas.

"Este é um tema no qual podemos esperar que a União Europeia possa estar à altura das expectativas" e dos "desafios" que o bloco enfrenta, acrescentou durante uma entrevista coletiva à imprensa no Parlamento Europeu.

"É uma oportunidade que não deveríamos perder", alertou, enquanto que a Alemanha permanece muito reticente em ajudar a Grécia, que enfrenta uma crise orçamentária histórica.

Papandreou ameaça recorrer ao Fundo Monetário Internacional, o que seria visto pela maior parte de seus parceiros da Zona do Euro como uma declaração de fracasso.

Leia também:

Leia mais sobre: Grécia

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.