MADRI/ATENAS, 16 de abril (Reuters) - Os ministros das Finanças da zona do euro concordaram nesta sexta-feira em princípio em criar um mecanismo permanente para administrar crises na região.

Os ministros revisaram os eventos ocorridos desde o anúncio do pacote de ajuda disponibilizado no domingo para a Grécia, e tomaram um primeiro passo na direção de algo mais permanente que administre as dificuldades que o bloco possa enfrentar no futuro.

MADRI/ATENAS, 16 de abril (Reuters) - Os ministros das Finanças da zona do euro concordaram nesta sexta-feira em princípio em criar um mecanismo permanente para administrar crises na região.

Os ministros revisaram os eventos ocorridos desde o anúncio do pacote de ajuda disponibilizado no domingo para a Grécia, e tomaram um primeiro passo na direção de algo mais permanente que administre as dificuldades que o bloco possa enfrentar no futuro.

"Chegamos a um acordo de que precisamos determinar um mecanismo (de solução) de crise permanente", disse o primeiro ministro de Luxemburgo e presidente da reunião, Jean-Claude Juncker, em entrevista coletiva.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.