Divergências entre ministros quanto ao custo e à eficácia das medidas provocaram o adiamento, sem data, do lançamento do pacote da habitação. As medidas foram apresentadas a Lula na semana passada.

Segundo interlocutores, ele gostou do pacote, mas quer ter certeza de que vai funcionar. Por isso, pediu estudos mais aprofundados à área econômica. O BNDES foi encarregado de fazer um estudo sobre as medidas.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.