Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Governo suspende licença prévia para importações

O ministro da Fazenda, Guido Mantega, anunciou no fim do dia que o governo decidiu suspender a adoção da licença prévia para as importações. Segundo ele, a medida causou ruídos e foi mal interpretada.

Agência Estado |

Mantega disse que conversou hoje com o ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC), Miguel Jorge, que está em missão comercial no norte da África, e que ambos chegaram a um acordo para suspender a medida.

O ministro da Fazenda abriu o pronunciamento afirmando que o MDIC adotou a medida para monitorar mais de perto o comportamento da balança comercial, em razão do fato de que a crise internacional provocou a "agudização" da competição do comércio exterior. Ele disse que essa decisão foi em decorrência do comportamento da balança comercial em janeiro. "A crise internacional provocou uma redução das exportações e causou uma preocupação para a balança comercial", afirmou.

O ministro interino do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, Ivan Ramalho, explicou que, com a revogação da licença automática a partir de amanhã, o sistema vai proceder como fazia até a última sexta-feira. "A partir de amanhã, quando a importação for registrada no sistema não será solicitada a licença automática. Voltaremos à situação anterior, que valia até sexta-feira", disse.

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG