Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Governo sueco descarta assumir controle da Volvo caso seja vendida pela Ford

O governo sueco descartou a idéia de assumir o controle da Volvo, que poderá ser vendida por sua matriz, a americana Ford, mas se mostrou disposto a ajudar a montadora a encontrar um comprador.

AFP |

"Não faz parte de nossa política assumir o controle da indústria automotiva e não vamos colocar em perigo o dinheiro de nossos contribuintes", declarou a ministra sueca da Indústria, Maud Olofsson, citada nesta terça-feira pelo jornal sueco Dagens Nyheter (DN).

O primeiro-ministro sueco, Fredrik Reinfeldt, declarou que os construtores automobilísticos, que registram uma forte desaceleração econômica, pediram ajuda ao Estado sob diversas formas.

"Mas o governo não é um recurso de emergência que dá dinheiro às empresas que vão mal. Isso simplesmente seria malversar o dinheiro dos contribuintes", afirmou.

A montadora americana Ford anunciou na segunda-feira que estuda várias opções para a filial sueca Volvo Car, inclusive a venda, como parte de uma estratégia de reestruturação ante a crise vivida pelo setor automotivo.

A Ford destacou em comunicado que a decisão de revisar as opções estratégicas foi tomada "em resposta ao significativo declínio do setor, em particular nos últimos três meses e à instabilidade global".

A Ford anunciou que a revisão, provavelmente, deverá levar vários meses para ser concluída.

fga/cha/cn/fp

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG