O governo federal, por meio do Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT), vai liberar R$ 10 bilhões em créditos a micro e pequenas empresas. A medida entra em vigor em 1º de janeiro.

A decisão foi aprovada nesta quarta-feira (17) em reunião do Conselho Deliberativo do FAT (Codefat).

Em novembro, o Codefat anunciou a liberação extra de R$ 2,25 bilhões para 2008 e mais R$ 4 bilhões para 2009. Nesta quarta-feira, o conselho decidiu colocar mais R$ 6 bilhões no mercado para 2009. Segundo o presidente do Codefat, Luiz Fernando Emediato, o objetivo da medida é movimentar o mercado para que sejam criados novos empregos.

A medida se insere em um conjunto de ações do governo para tentar evitar que os efeitos da crise econômica no Brasil sejam ainda mais acentuados. 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.