Tamanho do texto

O ministro do Planejamento, Paulo Bernardo, afirmou ontem que o governo concordou em incluir na proposta de Orçamento da União para 2010 a previsão de compensação da chamada Lei Kandir, que desonera exportações, no valor de R$ 3,9 bilhões. Segundo o ministro, parte do dinheiro entrará no Orçamento da União como previsão de despesa obrigatória, o que significa que terá prioridade no pagamento em relação a outras despesas e também a emendas parlamentares.

As informações são do jornal O Estado de S.Paulo.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.