Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Governo dos EUA eleva déficit orçamentário a US$ 402 bi

EUA - O governo federal dos Estados Unidos registrou um déficit orçamentário de US$ 164,4 bilhões em novembro, elevando o déficit acumulado nos dois primeiros meses do atual ano fiscal para US$ 401,57 bilhões. O déficit orçamentário de outubro ficou inalterado em US$ 237,2 bilhões.

Agência Estado |

No ano fiscal de 2008, que foi encerrado em setembro deste ano, o governo registrou um déficit de US$ 454,8 bilhões, número recorde. O resultado de novembro ficou um pouco abaixo da estimativa do Escritório de Orçamento do Congresso norte-americano, que esperava um déficit de US$ 171 bilhões.

Em novembro, o Tesouro arrecadou um total de US$ 144,8 bilhões, ante uma receita de US$ 151,1 bilhões registrada em novembro de 2007. As despesas somaram US$ 309,2 bilhões - um recorde para o mês de novembro - de um gasto de US$ 249,3 bilhões registrados em novembro do ano passado.

As despesas do mês passado refletem, em parte, gasto de US$ 76,47 bilhões com o Programa de Alívio de Ativos Problemáticos (Tarp, na sigla em inglês). No ano fiscal de 2009 até novembro, os desembolsos somam US$ 191,47 bilhões.

O Tesouro informou ainda que comprou US$ 23,16 bilhões em ativos lastreados em hipotecas em novembro. No período , as compras somam US$ 44,7 bilhões. O Tesouro norte-americano se tornou o comprador de último recurso daqueles bônus quando anunciou a intervenção nas agências hipotecárias Fannie Mae e Freddie Mac no início de setembro.

Os bônus, garantidos por Fannie e Freddie, desempenham um papel crítico no mercado de financiamento imobiliário. As taxas de retorno daqueles bônus determinam as taxas hipotecárias que os consumidores pagam nos financiamento imobiliários.

Leia tudo sobre: eua

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG