Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Governo dos EUA deve apresentar plano de injetar US$ 250 bi em bancos

SÃO PAULO - Os Estados Unidos devem anunciar nesta terça-feira um plano de US$ 250 bilhões para estabilizar o sistema financeiro do país, seguindo pacotes de resgate similares apresentados na Europa. Os mercados financeiros responderam ontem positivamente à ação dos governos ao redor do mundo para lidar com a crise no ambiente financeiro. Usando a autoridade concedida com o projeto de socorro de US$ 700 bilhões, o Tesouro americano deve colocar US$ 250 bilhões nos bancos e ficar com uma participação neles em troca. Matéria do Wall Street Journal (WSJ) reporta que o governo americano deve assumir participações em nove das principais instituições financeiras dos EUA como parte do novo plano para restaurar a confiança no sistema bancário. Assim, a administração dos Estados Unidos deve comprar ações preferenciais no Goldman Sachs Group Inc.

Valor Online |

, Morgan Stanley, J.P. Morgan Chase & Co., Bank of America Corp. - incluindo Merrill Lynch -, Citigroup Inc., Wells Fargo & Co., Bank of New York Mellon e State Street Corp., conforme pessoas a par da situação.

O plano deve contemplar ainda garantia de determinados tipos de empréstimos entre bancos.

Os US$ 250 bilhões representam a primeira parcela do pacote de US$ 700 bilhões aprovado pelo Congresso. O secretário do Tesouro, Henry Paulson, deve informar aos parlamentares que ele retirará a parcela seguinte, de US$ 100 bilhões, para usar na compra de ativos.

(Valor Online, com agências internacionais)

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG