Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Governo dos EUA começa a operação de salvamento aos bancos menores

SÃO PAULO - Depois de anunciar a injeção de US$ 125 bilhões em nove grandes bancos dos EUA, o governo norte-americano mostra agora avanços nas negociações para distribuir recursos entre as instituições financeiras menores. Até o início desta tarde, o mercado já contava 15 bancos vendendo suas ações para o Departamento do Tesouro americano.

Valor Online |

O aporte faz parte do programa de salvamento do sistema financeiro dos Estados Unidos.

Entre os bancos menores, o aporte mais vultoso em negociação até agora é o do PNC Financial Services Group, que trocará suas ações por US$ 7,7 bilhões. A maior parte desses recursos, porém, serão destinados à compra do Nacional City, por US$ 5,2 bilhões.

A lista de interessados no socorro do governo tem sequência com o Capital One Financial (US$ 3,55 bilhões), SunTrust (US$ 3,5 bilhões), Regions Financial (US$ 3,5 bilhões), Fifth Third Bancorp (US$ 3,4 bilhões) e BB & T Corp (US$ 3,1 bilhões). Juntas, estas seis instituições receberão US$ 24,75 bilhões.

Na fila do Departamento do Tesouro americano também estão o KeyCorp (US$ 2,5 bilhões), o Comerica Inc. (US$ 2,25 bilhões), o Northern Trust Corp (US$ 1,5 bilhão) e o Huntington Bancshares (US$ 1,4 bilhões). Esperando por uma quantia menor estão o First Horizon National Corp. (US$ 866 milhões), o Washington Federal Inc (US$ 560 milhões), o City National Corp (US$ 395 milhões), Valley National Bancorp (US$ 330 milhões) e o First Niagara Financial Group (US$ 186 milhões). A injeção de recursos nesses 15 bancos soma mais de US$ 34 bilhões
Cada uma dessas instituições cederá parte de suas ações ao Departamento do Tesouro americano em troca da ajuda do governo, assim como está acontecendo como os nove grandes bancos socorridos pelos EUA: Citigroup (US$ 25 bilhões), Wells Fargo (US$ 25 bilhões), JPMorgan Chase (US$ 25 bilhões), Bank of America (US$ 15 bilhões), Merrill Lynch (US$ 10 bilhões), Goldman Sachs (US$ 10 bilhões), Morgan Stanley (US$ 10 bilhões), Bank of New York (US$ 3 bilhões) e State Street (US$ 2 bilhões). Somada, a ajuda concedida a estes nove bancos chega a US$ 125 bilhões. Segundo o Tesouro dos EUA, o dinheiro deve começar a chegar a esses bancos a partir desta semana.

Para saber mais

 

Serviço 

 

Opinião:

Leia tudo sobre: bancos

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG