Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Governo diz que PIB argentino cresceu 7%; analistas,4%

A economia argentina teve no quarto trimestre de 2008 o primeiro tropeção desde 2002, já que - segundo o governo da presidente Cristina Kirchner - o PIB registrou uma queda de 0,3% em comparação com o terceiro trimestre. Enquanto que a média de crescimento entre 2003 e 2007 foi de 8,5%, o ano 2008, de acordo com o governo, teve um aumento menor, de 7% do PIB.

Agência Estado |

O anúncio foi inesperado, já que os dados oficiais eram esperados somente para meados de março.

No entanto, os economistas independentes duvidam do cálculo do governo, ao qual acusam de "maquiagem" do índice. Segundo eles, o PIB argentino teria crescido entre 4% e 6% em 2008. A consultoria Orlando Ferreres e Associados, comandada pelo ex-vice-Ministro da Economia Orlando Ferreres, por exemplo, afirmou que a queda do PIB no quarto trimestre do ano passado foi de 1,8%. Desta forma, segundo a consultoria, o crescimento da economia argentina em 2008 teria sido de 4,1%.

Leia tudo sobre: argentina

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG