Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Governo da Polônia se reunirá com bancos e prepara medidas

Por Marcin Goclowski e Gabriela Baczynska VARSÓVIA (Reuters) - O Ministério de Finanças da Polônia, o banco central e a entidade supervisora do sistema financeiro local têm reunião marcada com os executivos-chefes dos 10 principais bancos do país na segunda-feira para discutir a atual situação dos mercados financeiros, informou neste domingo uma fonte do setor bancário.

Reuters |

"Os CEOs dos 10 principais bancos da Polônia foram convidados para a reunião com o Comitê de Estabilidade Financeira (KSF, na sigla local) nesta segunda-feira às 13 horas (8 horas em Brasília)," disse a fonte.

O KSF é formado por autoridades do Ministério das Finanças, do banco central e da entidade que supervisiona o sistema financeiro.

O banco central não estava disponível de imediato para comentar a informação e o Ministério das Finanças não quis tratar do assunto.

Uma fonte governamental afirmou, contudo, que uma emenda ao Fundo de Garantias Bancárias será encaminhada ao Parlamento para elevar a quantia dos depósitos bancários garantidos e permitir que o governo decida sobre a concessão de ajuda a qualquer banco que venha a requerê-la.

O governo e o Parlamento vão trabalhar em conjunto na elaboração da emenda na terça e quarta-feira, disse a fonte.

Em uma entrevista coletiva à imprensa marcada para as 9 horas de segunda-feira (4 horas em Brasília), os dirigentes do banco central da Polônia e da associação de bancos do país vão apresentar as medidas para elevar a confiança no setor bancário, afirmou na sexta-feira o chefe da Associação de Bancos Poloneses, Krzysztof Pietraszkiewicz.

"Nosso sistema bancário é muito estável, mas diante do que está acontecendo nos mercados internacionais nós queremos apresentar instrumentos... para proteger nosso sistema bancário e nossos clientes, e não apenas pelo aumento do nível de depósitos garantidos," disse" Pietraszkiewicz, sem dar detalhes.

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG