Londres, 15 jan (EFE).- O ministro de Negócios e Empresas britânico, Peter Mandelson, admitiu hoje que o Governo do Reino Unido contempla a possibilidade de ajudar a indústria automobilística pela queda que se registra nas vendas.

Mandelson fez estas declarações durante sua visita à fábrica que a companhia americana Ford tem em Bridgend, ao sul de Gales, segundo informou a agência local de notícias "PA".

"Uma das ideias é a de encontrar alguma forma de introduzir liquidez nas economias domésticas", explicou o ministro, que também assinalou que as conversas com os representantes da indústria automobilística continuarão com o objetivo de reativar a demanda.

Segundo Mandelson, "apesar de a indústria automobilística no Reino Unido não ser frágil e não precisar de um plano de resgate, o setor está atravessando um período muito difícil".

O ministro referia-se com estas palavras a uma informação do jornal "The Times" apontando que os empréstimos para comprar carros poderiam ser fomentados através de um plano especial para injetar liquidez às companhias automobilísticas a cargo do Banco da Inglaterra. EFE otp/jp

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.