Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Governo baiano cria pacote de estímulo à economia

O governo baiano anunciou nesta tarde um pacote de benefícios para tentar atenuar os efeitos da crise financeira internacional no Estado. As medidas são o parcelamento do ICMS, em até quatro vezes, para o comércio varejista; a liberação de créditos acumulados do setor calçadista; e uma linha de crédito especial de R$ 110 milhões, oriundos do Fundo de Desenvolvimento Social e Econômico (Fundese), destinados à oferta de capital de giro para pequenas e médias empresas de setores como alimentos e bebidas, têxteis e confecções, calçados, informática e eletrônica e transformação de plástico.

Agência Estado |

Além disso, foram apresentadas linhas de crédito especiais do Banco do Brasil - que vai liberar R$ 2 bilhões para o comércio exterior e o agronegócio - e da Caixa Economia Federal, que abriu linhas de crédito de R$ 1,5 bilhão para a construção civil.

Apesar da extensão das medidas, o secretário estadual da Fazenda, Carlos Martins, nega que o socorro tenha sido aprovado de forma emergencial. "Na maioria dos casos, é uma forma de prevenção", diz.

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG