SÃO PAULO - O Google anunciou, em seu blog corporativo, que irá fechar seu centro de engenharia em Phoenix, no estado americano do Arizona. A unidade, criada há apenas dois anos, será extinta porque sua produção é muito fragmentada, comentou o vice-presidente de Engenharia e Pesquisa do Google, Alan Eustace, que assina o texto.

O escritório emprega 50 pessoas e foi criado durante uma onda de expansão do Google como parte de sua estratégia de aproveitar talentos locais em centros de engenharia em vários locais dos EUA. O objetivo dessas unidades era apoiar os projetos da companhia, embora isso não tenha ocorrido na prática, explica a nota de Eustace.

A unidade será fechada definitivamente no dia 21 de novembro e, segundo o Google, os funcionários não serão, necessariamente, demitidos. Pela nota no blog, a empresa está negociando com os empregados a possibilidade de mudança para outros escritórios ou mesmo de seguir novas carreiras no próprio Google.

(José Sergio Osse | Valor Online)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.