Tamanho do texto

O grupo financeiro americano Goldman Sachs rejeitou uma nova proposta de 130 ienes por ação da Sanyo apresentada pela Panasonic, por considerar que a nova oferta (10 ienes a mais que a anterior) continua sendo insuficiente.

A Panasonic anunciou no mês passado o objetivo de comprar a Sanyo e negocia desde então o preço das ações preferenciais que três grupos financeiros possuem na empresa, entre eles o Goldman Sachs (28,93%), para obter a maioria do capital da Sanyo.

dr-kap/fp

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.