NOVA YORK - A GMAC informou nesta sexta-feira que, como parte da ajuda federal de US$ 6 bilhões e da decisão de se tornar um banco, não terá mais exclusividade para prover empréstimos com juro baixo para quem compra veículos da General Motors.

Em comunicado ao mercado, a GMAC também informou que não terá obrigação de prover financiamento para leasing. A GMAC é a principal concessora de empréstimos para clientes da GM.

Em 29 de dezembro, o Tesouro dos Estados Unidos deu à GMAC US$ 5 bilhões de seu programa de US$ 700 bilhões de ajuda ao sistema financeiro e concordou em emprestar à GM até US$ 1 bilhão para dar apoio à GMAC. Cinco dias depois, o Federal Reserve garantiu à GMAC status de banco.

A GMAC perdeu US$ 7,9 bilhões nos 15 meses encerrados em 30 de setembro, em grande parte nas operações hipotecárias, embora os problemas de crédito nos empréstimos automotivos também tenham preocupado.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.