Tamanho do texto

A empresa General Motors poderá pedir 30 bilhões de dólares em ajuda pública até 2011 para poder dar continuidade à sua reestruturação, para fugir da concordata, informou a GM nesta terça-feira ao Tesouro americano. De acordo com a notícia, a GM também quer reduzir seus efetivos em todo o mundo em 47.000 empregados ainda este ano.

mso/bar/sd

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.