Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

GM dá férias coletivas em São José dos Campos

A General Motors (GM) concedeu férias parciais para 600 metalúrgicos de São José dos Campos ontem nesta sexta-feira. Segundo a montadora, a medida atinge 400 trabalhadores da linha de montagem dos veículos S-10 e Blazer e outros 200 na divisão de transmissões e motores Powertrain II, que ficarão parados durante 29 dias, de 26 de janeiro a 23 de fevereiro.

Agência Estado |

De acordo com o Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos (Sindimetal SJC), as duas linhas empregam ao todo 1,1 mil trabalhadores.

Os funcionários da Powertrain II estão de férias coletivas desde o dia 15 de dezembro e voltariam ao trabalho no dia 25 de janeiro. Em novembro, 600 trabalhadores da Powertrain I e II ficaram parados. Os trabalhadores da linha da S-10 estiveram em férias coletivas de 1º a 23 de dezembro e receberam uma semana de licença remunerada, no início dessa semana.

De acordo com o Sindimetal, a GM ainda não cogita demissões na base do sindicato, que representa 8.940 metalúrgicos. Por enquanto eles estão trabalhando com os contratos temporários, diz o diretor sindical Vivaldo Moreira Araújo. Segundo ele, a GM deixou de renovar o contrato de 54 trabalhadores temporários ontem. Os metalúrgicos foram contratados há um ano, para reforçar a linha Powertrain II. Consultada, a montadora não confirmou as informações. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Leia tudo sobre: gm

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG