Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

GM cortará 10 mil postos de trabalho no mundo em 2009

SÃO PAULO - A General Motors (GM) cortará 10 mil trabalhadores assalariados no mundo durante 2009. Dos 29,5 mil empregados assalariados nos Estados Unidos, 3,4 mil serão demitidos em 1º de maio, comunicou a montadora nesta terça-feira.

Valor Online |

 

A GM avisou também de redução nos salários para o restante de sua equipe nos Estados Unidos - os executivos no país terão um corte temporário de 10% em seus contracheques e muitos outros empregados assalariados no território americano sentirão uma diminuição de 3% a 7%.

A fabricante está revendo o pagamento de trabalhadores assalariados em outros países, assim como os benefícios concedidos. A equipe de funcionários assalariados da GM no mundo passará de 73 mil pessoas para 63 mil pessoas.

O Wall Street Journal (WSJ) destacou que o enxugamento de pessoal faz parte do plano da GM submetido ao Congresso americano em dezembro para garantir os recursos emergenciais do governo federal. A montadora já recebeu US$ 9,4 bilhões em empréstimos federais e espera obter outros US$ 4 bilhões após apresentar ao Departamento do Tesouro dos EUA um plano de viabilidade.

Leia mais sobre: GM

Leia tudo sobre: gm

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG