Tamanho do texto

Londres, 1º fev (EFE).- A farmacêutica GlaxoSmithKline, a segunda maior do mundo, planeja demitir 6 mil funcionários no mundo todo, informa hoje o jornal britânico Sunday Telegraph.

Segundo a publicação, a companhia, que emprega 100 mil pessoas - 18 mil delas só no Reino Unido -, anunciará as demissões na quinta-feira, junto com seu balanço anual.

O corte no quadro de funcionários faz parte da estratégia do presidente e executivo-chefe da empresa, Andrew Witty, de fazer frente aos atuais desafios da indústria farmacêutica, como a crescente concorrência dos fabricantes de medicamentos genéricos.

Um porta-voz da GlaxoSmithKline admitiu que o grupo vai implementar um plano de reestruturação. Porém, se recusou a falar sobre uma eventual demissão em massa. EFE pa/sc